Pesquisa com empreendedores catarinenses aponta que 55% dos negócios devem crescer entre 2017 e 2019

Ferramenta da Endeavor e do Sebrae faz o diagnóstico das principais dores dos empreendedores e está disponível gratuitamente

Mais da metade dos empreendedores catarinenses acreditam que irão crescer neste e nos próximos três anos. Isso é o que aponta pesquisa realizada por meio da ferramenta Check Up 2.0, disponibilizada pela Endeavor, organização mundial de fomento ao empreendedorismo, em parceria com o Sebrae. O material, que é gratuito e está disponível no Portal Endeavor, é composto por 11 perguntas simples e objetivas que abrangem as principais dores dos quatro estágios de crescimento de um negócio. O empreendedor, por sua vez, responde o quanto cada problema afeta o seu dia a dia, dando uma “nota de dor” de 1 a 10, e fornece ainda informações básicas da empresa.

 

Ao todo, quase 10 mil empreendedores foram mapeados na pesquisa, sendo 1.266 deles de Santa Catarina. Dos respondentes catarinenses, 550 estão na fase new venture, ou seja, na fase inicial do negócio. Desses, 289 acreditam que terão crescimento entre 2017 e 2019, enquanto 37 acham que não irão crescer. As dores comuns entre eles são não possuir estratégia de mercado, não conseguir produzir e distribuir os produtos/serviços da empresa para os clientes atuais e não ter clientes regulares. Além disso, têm seu principal desafio relacionado à operação da empresa - queda da qualidade, aumento de custos e falta de estoque.

 

Os outros 716 empreendedores catarinenses que preencheram o questionário representam empresas em momento de expansão. Nessa fase, 366 julgam que devem crescer neste e nos próximos dois anos, enquanto 51 responderam que não acreditam prosperar nesse período. Eles têm como maior problema o crescimento do time de funcionários de forma pouco estruturada devido ao crescimento das vendas. Outras dificuldades são a falta de eficiência da operação, fazendo com que o lucro não aumente na mesma velocidade que a receita, e uma equipe de gestores mais “mão na massa”, que acaba focando mais tempo em resolver problemas de curto prazo.

 

Para Guilherme Lopes, coordenador da Endeavor em Santa Catarina, a ferramenta ajuda a posicionar os empreendedores catarinenses a saber seu estágio e para onde seguir com seus principais desafios. “Aqui no estado temos a vantagem de ter programas que apoiam os empreendedores em diversos estágios, como o Sinapse da Inovação para quem está começando, o Startup SC, do Sebrae, para validação do negócio, e o Scale-up da Endeavor para quem está na fase de crescer exponencialmente”, explica.

 

O Check Up 2.0 possibilita ao empreendedor se identificar com um dos 500 diagnósticos possíveis, que cruzam as respostas dadas pelo usuário com as características reais do seu negócio, gerando um resultado que aponta quais desafios devem ser olhados como prioridade na fase em que ele está. O diagnóstico vem acompanhado de uma curadoria de conteúdos sobre estratégia, marketing e vendas, operações, finanças e gestão de pessoas, que levam em conta cada modelo de negócio - ou seja, se o respondente oferece um produto ou um serviço, se vende para consumidor final, para outras empresas, se tem receita recorrente ou não.

 

A ferramenta pode ser acessada gratuitamente no site https://checkup.endeavor.org.br e necessita apenas do cadastro de e-mail para iniciar a navegação. O questionário é rápido e objetivo e os resultados podem ser salvos em PDF, compartilhados e enviados por email.

 

SOBRE A ENDEAVOR

A Endeavor é uma das principais organizações de fomento ao empreendedorismo no mundo. Atua na mobilização de organizações públicas e privadas e no compartilhamento de conhecimento prático e de exemplos de empreendedores de alto impacto para fortalecer a cultura empreendedora do país. No Brasil desde 2000, já ajudou a gerar mais de R$ 2 bilhões em receitas anualmente e mais de 20.000 de empregos diretos através de programas de apoio a empreendedores; e a capacitar mais de quatro milhões de brasileiros com programas educacionais presenciais e a distância.

 

SOBRE O SEBRAE

O Sebrae é uma entidade privada que promove a competitividade e o desenvolvimento sustentável dos empreendimentos de micro e pequeno porte. Há mais de 40 anos, atua com foco no fortalecimento do empreendedorismo e na aceleração do processo de formalização da economia por meio de parcerias com os setores público e privado, programas de capacitação, acesso ao crédito e à inovação, estímulo ao associativismo, feiras e rodadas de negócios. Para garantir o atendimento aos pequenos negócios, o Sebrae atua em todo o território nacional, em que são oferecidos cursos, seminários, consultorias e orientação técnica para pequenos negócios de todos os setores.